Baitaca

Do Fundo Da Grota

Baitaca

chords Beginner beginner

by  LINEKERS

save to print version add songbook text version e-mail correct tuner
chordsukulelecavacokeyboardtabbassdrumsharmonicaflute Guitar Pro
close

there isn't a video lesson for this song

chords

Do Fundo Da Grota

	  		
Intro: (E B7) E 

Fui criado na campanha 
                       B7 
Em rancho de barro e capim 
Por isso é que eu canto assim 
                    E 
Pra relembrá meu passado 
Eu me criei arremendado 
                  B7 
Dormindo pelos galpão 
Perto de um fogo de chão 
                     E 
Com os cabelo enfumaçado 
                        B7 
Quando ronca a estrela D'alva 
Aquento a chaleira 
                      E 
Já quase no clariá o dia 
Meu pingo de arreio 
                 B7 
Relincha na estrevaria 
Enquanto uma saracura 
                    E 
Vai cantando empulerada 
                    B7 
Escuto o grito do sorro 
E lá no piquete 
                     E 
Relincha o potro tordilho 
Na boca da noite 
                 B7 
Me aparece um zorrilho 
Vem mijá perto de casa 
                       E 
Pra inticá com a cachorrada 
Intro 

Numa cama de pelego 
                  B7 
Me acordo de madrugada 
Escuto uma mão pelada 
                 E 
Acoando no banhadal 
Eu me criei xucro e bagual 
                     B7 
Honrando o sistema antigo 
Comendo feijão mexido 
                       E 
Com pouca graxa e sem sal 
         
                        B7 
Quando ronca a estrela D'alva 
Aquento a chaleira 
                      E 
Já quase no clariá o dia 
Meu pingo de arreio 
                 B7 
Relincha na estrevaria 
Enquanto uma saracura 
                    E 
Vai cantando empulerada 
                   B7 
Escuto o grito do sorro 
E lá no piquete 
                     E 
Relincha o potro tordilho 
Na boca da noite 
                 B7 
Me aparece um zorrilho 
Vem mijá perto de casa 
                       E 
Pra inticá com a guaipecada 
Intro 

Tô formando um alambrado 
                     B7 
Na beira de um corredor 
No cabo de um socador 
                     E 
Quas mão rodeada de calo 
No meu mango eu dou de estalo 
                     B7 
E sigo a minha campeirada 
E ma perdiz ressabiada 
                      E 
Voa e me espanta o cavalo 

                        B7 
Quando ronca a estrela D'alva 
Aquento a chaleira 
                      E 
Já quase no clariá o dia 
Meu pingo de arreio 
                 B7 
Relincha na estrevaria 
Enquanto uma saracura 
                    E 
Vai cantando empulerada 
                   B7 
Escuto o grito do sorro 
E lá no piquete 
                     E 
Relincha o potro tordilho 
Na boca da noite 
                 B7 
Me aparece um zorrilho 
Vem mijá perto de casa 
                       E 
Pra inticá com a cachorrada 
Intro 

Lá no canto do capão 
                    B7 
O assoviar de um nambú 
Numa trincheira o jacú 
                     E 
Grita o sabiá nas pitanga 
E bem na costa da sanga 
                   B7 
Berra a vaca e o bezerro 
No barulho dos cincerro 
                        E 
Eu encontro os bois de canga 

                        B7 
Quando ronca a estrela D'alva 
Aquento a chaleira 
                      E 
Já quase no clariá o dia 
Meu pingo de arreio 
                 B7 
Relincha na estrevaria 
Enquanto uma saracura 
                    E 
Vai cantando empulerada 
                    B7 
Escuto o grito do sorro 
E lá no piquete 
                     E 
Relincha o potro tordilho 
Na boca da noite 
                 B7 
Me aparece um zorrilho 
Vem mijá perto de casa 
                       E 
Pra inticá com a cachorrada 
		  

Full key step upFull key step up
Half key step upHalf key step up
Half key step downHalf key step down
Full key step downFull key step down
auto scroll beats size up size down change color hide chords simplify chords drawings columns
tab show chords e-chords YouTube Clip e-chords hide all tabs e-chords go to top tab

share